segunda-feira, julho 06, 2009

Mars Volta mais acessível em novo disco

Octahedron, quinto trabalho de estúdio do Mars Volta, que saiu mundialmente no dia 23 de junho via Mercury Records,é o álbum mais curto e acessível já composto pelo grupo americano.

Cerca de um ano e meio após o lançamento de The Bedlam In Goliath, que levou o Grammy de melhor performance hard rock pela música Wax Simulacra, a banda surpreende com essa proposta mais suave.

O som experimental, psicodélico, barulhento e progressivo, com vocais esquisitos e altas doses de jazz fusion e música latina continua aqui, só que numa roupagem 'acústica'. Octahedron é ideal para quem deseja conhecer o grupo, formado na cidade de El Paso, Texas.

Quando o vocalista Cedric Bixler-Zavala e o guitarrista porto-riquenho Omar Rodriguez-López, parceiros de longa data, saíram do At the Drive-In em 2001, no auge de popularidade da banda, não havia dúvidas de que retornariam com algo ambicioso.

O grupo, completado atualmente por Isaiah Owens (teclados), Juan Alderete (baixo), Thomas Pridgen (bateria) e Marcel Rodriguez-López (percussão), tem John Frusciante como sétimo membro, já que o guitarrista dos Chili Peppers tocou em todos os discos do Mars Volta.

Octahedron, produzido pelo próprio Omar, com certeza levará o Mars Volta a um público muito maior e trará ainda mais sucesso para esses rapazes de talento ímpar. Queria ter reconhecido isso antes.

Ouça Cotopaxi, um dos singles de Octahedron.

18 comentários:

Lucas disse...

Sonzeira cara, gostei, gosto dessa doideiras assim kkkkkkk, so vc mesmo pra mostrar uns sons assim mesmo
abraço veio

Alexandre Campos disse...

Eu gostei, mas não sei se compraria um CD deles!
Boa Musica!
Abraços Daniel

Nino disse...

show de bola guri cada vez melhor
parabens :D

Ramon disse...

Que loucura hemm... de onde eh q tiras essas coisas?!!! hehehehe

Legal o som, diferente, mas legal!

avassaladorasrio disse...

Querido amigo avassalador... Sou quase um dinossauro fã... Já ouviu falar de um tecladista chamado Rick Wakeman? E da banda Pink Floid(claro, que já!)... Tive a oportunidade de assistir ao vivo o show desses dois icones do rock progressivo aqui no Rio...
parabem pela proposta geral do blog em informar e divulgar musica.

Frank Kair disse...

muito doido o som deles, essa voz "fina", esses riffs pesados, as mudanças de ritmo...

É definitivamente bem diferente e único pra mim.

Boa Daniel :D

Carolina disse...

Som bem complicadinho, com muita informação. Me dividiu, não sei se gostei. rs. Preciso ouvir mais.
Mas que voz, hein?!

Daniel Moreno disse...

boa xará
continue assim
sempre divulgando a boa música em seu blog

Jef disse...

mars volta é material de 1a, omar é um dos guitarristas modernos que eu mais curto, criatividade do cara não tem limites! realmente esse ultimo álbum está mais "mastigado", o material antigo pra quem não escuta esses tipo de som pode soar como um soco nos tímpanos, mas é mto bom, depois de ouvirem esse álbum, olhem os anteriores, garanto que não vão ouvir nada parecido tão cedo!

Daniel disse...

massa, bota experimental nisso :P

abraço

Guttwein disse...

Não sei se estou alheio por completo ou se faço questão de assim estar com determinadas bandas, mas essa é uma das quais pouquissimo ou nada sei a respeito... sequer uma música me vem a cabeça! rsrs

Porém ,devido ao post, uma nova concepção a cerca dos dos caras esta sendo formulada! ; )

Cooringa disse...

Eu tenho a antiga banda dos caras, At the Drive In, e curto o som dos caras.
Já essa banda conheço muito pouco, porque ta na lista para ser baixado.
Hehehe
Mas essa semana quem sabe já dê para ter um entendimento melhor a respeito!
Abraço

Marcio Teixeira de Mello disse...

Bela análise de mais uma bela obra do Mars Volta!!

E obrigado pelos elogios ao meu blog, cara!!! É o que faz a gente tocar as coisas adiante.

Abração!!

Seiryuu disse...

MArs Volta tem um som muito intrincado e louco, lembro da primeira musica deles que ouvi "televators". Viagem pura. Gosto de sons assim

abraço guri

Anônimo disse...

sonzera... diferente e muito massa!!conheci há uns 04 anos atrás...

grande pedida
JP

Lilo disse...

Grande Doze!
Massa a música, mas não faz meu estilo...
uheuheuhe

abraço amigo

streeto disse...

Olhando atrasado, mas não posso deixar de comentar. Daniel sempre peneirando material bom nesse monte de lixo de hoje. ;)

Ótimo som, já estou indo conferir o resto das músicas. Acho difícil conseguir encontrar essa banda em alguma loja por aqui, uma pena.

André disse...

gosto do The MArs Volta desde sempre... sempre achei uma promessa o som deles...toda vez que penso em fazer um documentário ou um curta me vem a mente, essa parte podia tocar mars no fundo... é realmente bom.