quarta-feira, abril 28, 2010

Entrevista: Alirio Netto (Khallice)

Olá, amigos e leitores do Estética Musical. É com grande prazer que anuncio mais uma novidade para o blog. A partir de hoje, todo mês tentarei postar uma entrevista com alguém ligado ao mundo da música.

O escolhido para dar início aos trabalhos foi Alirio Bossle Netto, o talentoso vocalista do Khallice, grupo de metal progressivo de Brasília. Nascido em Florianópolis, o músico conta detalhes da sua carreira e fala sobre o seu atual momento.

Ouça Letting Go e acompanhe a entrevista.



Estética Musical: Olá, Alirio. Obrigado por conceder essa entrevista. Para começo de conversa, como você está? Como foi abrir para o Guns N' Roses em Brasília?

Alirio Netto: Estou bem, brother. Obrigado por perguntar. Minha vida aqui em Brasília é muito bacana, tenho muitos amigos e a cidade me acolheu muito bem. Em relação a abrir pro Guns, foi um sonho pra nós e pra mim, pois quem me conhece sabe o quanto gosto dessa banda. Além do mais o Bumblefoot foi muito legal e adorou o nosso show. Ficamos quase todo o tempo com ele, no final do show a gente se divertiu muito com o Sebastian, que é um dos caras mais sangue bom que já conheci.

EM: Com o lançamento de The Journey, em 2003, o Khallice foi apontado como banda revelação e uma grande expectativa em torno do grupo foi criada. Como vocês lidaram com essa badalação e o status de Dream Theater brasileiro?

AN: Confesso que no começo foi muito legal essa coisa de Dream Theater brasileiro. A gente realmente conseguiu um espaço muito bom na mídia e tal, mas depois começou a incomodar um pouco, por que apesar da influência, o Khallice tem uma cara própria. Isso fica mais claro no Inside Your Head, em que a banda pode explorar muito a veia mais Hard Rock.

EM: Em 2008, vocês gravaram o ótimo EP Inside Your Head. Qual a intenção da banda em lançá-lo?

AN: Pra começar a gente lançou esse EP no Rio, quando abrimos pra Dream Theater. Distribuímos mil EPs para o público presente e naquele momento a intenção era mostrar que a banda estava na ativa e produzindo. Só pra completar a Magna Carta lançou o The Journey em 2007 em várias partes do mundo, o que também foi um impulso pra gente botar algo novo na praça.

EM: Qual o motivo para a demora no lançamento de um segundo disco do Khallice, Alirio? Ele vai sair mesmo? Se sim, pode nos adiantar alguma coisa?

AN: A demora acontece por vários motivos, mas o principal foram as trocas de baterista. Nos últimos cinco anos foram quatro! Acho que somos muito chatos (risos). De qualquer forma, todos nós temos outros projetos além da banda, sejam eles na música ou não, e isso acaba atrasando tudo. Não vamos usar nada do Inside Your Head, o que dará mais trabalho. Já temos muitas ideias em andamento e, se tudo andar como planejado, a gente lança esse CD em 2010.


EM: Quem são os teus ídolos na música? Quais são as tuas influências?

AN: Virei cantor por causa do Freddie Mercury do Queen, pra mim ele é o cara, mas gosto muito do Steve Perry do Journey, Steven Tyler, Sebastian Bach, Dio, Glenn Hughes e todos esses caras que cantam muito. Gosto muito de pop em geral, desde Michael Jackson até coisas como o Josh Groban, e os musicais da Broadway também têm uma grande influência na minha música. Gosto muito dessa coisa do teatro.

EM: Relate para nós como foi a experiência de encenar Jesus Christ Superstar no México. O que isso contribuiu na tua carreira e na tua forma de cantar?

AN: O lance do Jesus Christ começou em Brasília em 1999, quando eu fiz o papel pela primeira vez em uma produção local. Em 2000 mandei um vídeo pro México onde estavam fazendo audições para uma produção oficial, a partir desse vídeo eles me chamaram para os testes. Fui selecionado para o papel de Jesus entre 1500 candidatos de vários países e foram quase dois anos de temporada que acabaram por causa do atentado às torres gêmeas. Voltei pro Brasil em 2003 pra gravar com o Khallice e o resto é história.

EM: Conte um pouco da tua relação com Floripa. Vens sempre para cá? Como é a vida de um manezinho da Ilha em Brasília?

AN: Cara, Floripa é o melhor lugar do mundo! Se eu pudesse nunca sairia daí, sempre que posso dou uma passada aí porque tenho muitos amigos e família em Floripa. A vida de um mané em Brasília é muito boa, principalmente na parte da grana, que é um pouco mais justa. Aqui se paga um pouco melhor pela arte, e é quase tão legal quanto Floripa. Quase! Só faltam as praias, o clima, o povo, a comida, o Figueira e as praias novamente (risos).

46 comentários:

Daniel Silva disse...

Valeu, Alirio!

Lucas . disse...

po só pela entrevista se percebe que o cara é gente boa! tirando o fato da musica do khalice ser comprovadamente interessante.

ótima investida champz! muito legal esse lance das entrevistas, é realmente interessante fazer isso, principalmente com talentos nacionais, independente da vertente musical ;D!

keep it up :D!
abrazzzzzzzzzzz!

Cooringa disse...

Não conheço o cara muito menos a banda por ser do Mal!
Mas parabéns pela entrevista!
Ficou Show

degaragem disse...

ótima entrevista, terminei de ler antes da música acabar.. e to comentando com ela tocando ainda.. é muito boa...

conhecia muito pouco da banda, posso te dar algumas indicações?

Já que tu falou dessa banda que abriu o show do Guns, pode falar da Punkake, que é uma banda "punk" só de mulheres... é uma viagem e as gurias são tri gentes.

Macaco Pipi disse...

que massa cara
conseguir essas entrevistas
vamos conhecer a banda!

Chega Mais! disse...

UAU!
Boa pedida, Estética Musical!
Sério, se eu tivesse uma pontinha de talento, também seria cantora, ainda mais com a inspiração que é Freddie Mercury, ele é o cara sim! Afinal, Queen é Queen! Não tem outra descrição!
Sou de uma cidade há alguns km de Floripa, e ele não está de brincadeira quando elogia a cidade! Mas, apesar dessa pouca distância da ilha da magia, eu não conhecia ainda o trabalho dele... :$
Agradeço o blog, que me apresentou e agora posso curtir um pouco mais de música boa!
Estamos seguindo, beijo!

The Lorean disse...

Ja abriram show de Dream Theater e Guns!! devem ser bons... cada um no seu estilo, é claro!!

flw

Thamyzinha Iwasaki disse...

gostei da intrevista, embora n tenha muito interrese no assunto, foi muito boa^_^
xau

Lilo disse...

"Do mal" o coringa diz
hahauhuahauha
Conheço a banda, mas não gosto não!
No mais, parabéns pela iniciativa e muito boa a entrevista!
Sucesso!

Abraço

Zahir disse...

Parabéns pela iniciativa
temos uma blog cada vez melhor

Juliano de Jesus disse...

MUITO BOM, PARABÉNS

http://www.novaquahog.blogspot.com/

Tami disse...

Parabéns!! Seu blog é bem legal!
Faz um entrevista com a nicole do Pussycat dolls. (amo muito o som dela) rs
Beijooo


P.S.: Sucesso com o blog!!

Arash Gitzcam disse...

O som deles é mto bem produzido, nível gringo, e a múisca considerando-se q é de tal estilo q não curto mto, ficou até legal, acima da média de bandas do estilo.

Mudando um pouco de assunto, vc já conhece o som que produzi? Chama-se Pushflows, com o álbum de estréia Some Blood On Custom Dreams... de 2008. Eu compus tudo e gravei todos os instrumentos e tb cantei. Se quiser conhecer, aqui tem quatro faixas: http://www.myspace.com/pushflows abraços.

Bikelando disse...

Muito eclético! Gostei das influências dele, da simplicidade e do som, é claro! Tomara que eles parem logo com um bateirista fixo na banda: um por ano não dá! rsrs

Temido disse...

Grande garoto, parabéns pela entrevista! Toca ficha ae, sucesso

Edison Gustavo Muenz disse...

Muito legal a entrevista.

Nao conhecia a banda, o som é ótimo. Gostei mesmo.

Realmente é uma pena que Floripa não pague bem para artistas poderem viver de forma legal sem ser com um segundo emprego.

Tiago Camilotti disse...

DESTAQUE: " ...Ficamos quase todo o tempo com ele, no final do show a gente se divertiu muito com o Sebastian, que é um dos caras mais sangue bom que já conheci." - ótima entrevista!

Nunca tinha ouvido o som dessa banda... gostei mesmo!


:¨¨:..:¨¨:..:¨¨:..:¨¨:..:¨¨:..:¨¨:..


RESP: Acho que o ator que vc se refere no comentário no blog é Collin Farrel, que interpretou o papel principal em "Alexandre, O GRANDE".

Karla Hack disse...

Não ouvi esta banda ainda.. mas fiquei bem curiosa em ir lá dar uma coferida.. gostei muito de algumas referências citadas por ele... A entrevista ficou excelente! Parabéns pelo seu blog e iniciativa!

Letícia Escobar*-* disse...

Gostei do post e do blg...mas n conheço a banda :S
esses sao os meus...
http://socomigomesmo1.blogspot.com/

http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=101143661

http://pensamentosdale1.blogspot.com/

L.A disse...

parebens pelo blog ta muito bom!
sucesso pra voce!

Doug Lourenço disse...

Não conheço o som do khallice mas ja ouvi falar, mas bem bacana a entrevista e o blog parabéns.

Jaciel disse...

bacana a entrevista

Alexandre Terra disse...

mt bom, apesar de nao conhecer, mt legal essa ideia de fazer entrevistas no blog!

Guilherme Bayara disse...

Legal a entrevista.
Não é meu tipo de som...

mixaria disse...

Curto mt essa banda cara !

Jeh Pagliai disse...

Adorei a ideia, a entrevista...
Mesmo não gostando muito do Metal, PARABÉNS :D

Beijinhos

---
www.jehjeh.com

Carolina disse...

Muito boa a tua ideia das entrevistas... e a estrutura do post também. Musiquinha pra ficar ouvindo enquanto se lê...

Como diria o outro, matasse dois coelhos com uma caixa d'água só.. hahah

Gostei do som, quero mais!

laisa disse...

Abrir o show do Guns é um sonho para qualquer banda! Adorei a entrevista, parabéns!

Sequelanet disse...

Que chiqe hein, fazendo até entrevistas! rsrs
O cara é gente boa
abs

karina de lima disse...

que legal , entrevista , *--* gostei da novidade do blog
http://blogdakarinadelima.blogspot.com/

Arathane disse...

legal o blog ... bela iniciativa ...

Luiz Brisa disse...

fico da hora xD
seu blog sempre bom vim aki
xD

http://vagalnerdkawai.blogspot.com/

correakleber disse...

show de bola a entrevista doze, cara eh mto sangue bom, e o som da khallice eh foda!

valeu!!

♫ Angélica ♥ Kawai ♪ disse...

Nuussa Senhora! Gun N' Roses.. não escuto maas conheço a banda de fama.. É muita "responsa" abrir um Show desse calibre (haha.. "guns", "calibre" hahaha..)

Parabens pela reportagen! ficou 10!
Continue inovando sempre!

Betty Gaeta disse...

Gostei demais da música! Foi a primeira vez que consegui ouvir música em seu blog!
Bjs

Nathan Filipe disse...

' não conheço, mas foi um bom post pra quem é fã do cara. parabéns aê.

O Ser de Lodo disse...

Apesar de ser mais fã do rock clássico, já indiquei este blogue a uns amigos que se interessam por metal.

Diógenes disse...

parabens pelo blog.... bom conteudo!

allysson dos santos disse...

po só pela entrevista se percebe que o cara é gente boa!

Wander Veroni disse...

Se não me engano, o Khallice já tocou aqui em BH. Esse nome não me é estranho...hehehe. Parabéns pela seção de entrevistas. É sempre bom poder conhecer de perto o trabalho do artista.

Abraço,

http://cafecomnoticias.blogspot.com

Frank Kair disse...

Inovadora a intrevista no blog, curti a idéia :)

O cara tem bom gosto na música, vou ver se consigo ouvir a dele!



Muito bom Daniel, isso aí!

Gabriel Pozzi disse...

cara, conseguir entrevistas pro blog é enriquecedor!
parabéns por esse avanço, e se puder responder, como fez as questões, pela internet ou pessoalmente?

um abraço, parabéns de novo! :)

http://songsweetsong.blogspot.com/

Mattheus Rocha disse...

Você pediu post de música e mandei logo uma entrevista. rsrs. A ideia é interessante mesmo. Vou passar a fazer mais também. Dá uma renovada no fôlego dos post`s, quebrando a rotina estrutural deles. A sua está ótima. Tenho família em Brasília e é uma terrinha chata, mas que revela ótimos talentos musicais (não só o rock dos anos 80, como muitos acham). Gostei muito de "Letting Go". Riffzinho de guitarra show de bola.

Anônimo disse...

faltou perguntar em que projetos ele está envolvido agora!

Jefferson disse...

Excelente idéia de colocar entrevistas, e excelente início. Gostei bastante da música da banda, algo parecido com Dream Theater (uma das minhas duas bandas favoritas).

http://figurinhasdorock.blogspot.com/

Gabriel Souza disse...

Cara, Parabens pela entrevista!!!

Alirio Netto é super gente boa , alem de um ótimo cantor, ate melhor que Andre Matos /minha opinião!!!

PARABENS MAIS UMA VEZ!!!